Essas Mulheres Safadas....


Click to Download this video!


Dizem que mulher é capaz de surpreender até mesmo conhecendo fielmente a pessoa,e, Verônica era uma delas.
Suas formas eram de impressionar qualquer garoto,afinal, 178 cm, bunda abastarda, seios médios,quadril largo, e pesando seus incríveis 62 kg. A mulher era fogo na roupa,mas, sempre ousava em tudo que fazia,seja comigo, seja no trabalho ou até mesmo com a sua família.
Podíamos falar claramente gostosa que ela não se importava com isso.pelo contrário até pedia para ser chamada assim,seu ego era imenso,o que irritava as vezes,faltava um pouco de humildade nela,mas,se fosse pra traduzir em seu corpo era perfeita, não precisava mudar nada.
Quando criança era uma capeta, e outro detalhe, desde os 9 anos já era acostumada a andar nua em casa, seus pais nunca descobriram, ela ia muito na onda das amigas na época, embora nunca tiveste princípio para quase nada.
Começamos a nos conhecer através dos nossos respectivos trabalhos, eu como arqueólogo e ela como arquiteta,foi apenas um relance qualquer aquelas batidas qualquer que a vida insiste em dar em todos nós, e por conseguinte fomos se aproximando,meio que constrangidos até dar tempo de ambos saberem da vida do outro de maneira rápida.
Certo momento acostumamos a transar rotineiramente,para aliviar nosso stress diários,recordar dos momentos épicos que cada um possui,Verônica naquele dia fez diferente:ela queria apenas se exibir pra mim,e consequentemente me ver masturbar.
Era pra eu ficar nervoso,mas, não fiquei, curtir novas emoções com aquela garota era impagável.
Naquele dia,entretanto, ela usava uma blusa apropriada para sua profissão de linho preta de preferência que no lugar onde a garota trabalhava quase sempre pedia para ela usar,além de um calça de linho preta básica de sempre.Após os nossos serviços,encontramos em uma sanduícheria de sempre, para batermos papo, lamentarmos talvez,e depois é claro nosso alento, o possível sexo que pensei que iria ocorrer,mas não....
Combinamos que fossemos para sua casa,que era maior por sinal,seu quarto era muito delícia,tinha muito Ferrero Rocher espalhado pelo quarto dela, o que por outrora sempre dava aquela beliscada entre uma foda e outra,afinal tínhamos que aproveitar qualquer momento.
Quando chegamos ela sentenciou:
-Hoje vamos fazer diferente
-Como assim?
-Você vai entender,amor!
-Então tá!
Verônica,começou a tirar sua blusa de forma provocante, aquilo que de certa forma me deixava em êxtase,pois,sabia me provocar de todas as maneiras possíveis e impossíveis também,ficando só de sutiã naquele momento.
A partir da consequência, começou a massagear freneticamente teus seios, mas,sem mostrar o bico deles,além daquela barriguinha sarada que continha,era uma forma inovadora e sutil de certa forma.
-Tira seu sutiã vai!
-Não!
Aquilo estava me irritando,mas,ao mesmo tempo me deliciando com todo aquele corpo e aquela ternura que ela possuía,me dediquei em apenas apreciar meu pau que comecei a acariciá-lo e olhar atentamente suas ações daquela praticidade e movimentação estupenda para me “relaxar”.
Passado algum tempo,o modo como estava fazendo, estava meio monótono,então resolveu tirar realmente teu sutiã,e logo em seguida fez tipo um “banho de gato”,só que mais sedutora é claro,dando pequenas lambidinhas ao redor dos teus seios,utilizava é claro um pouco de técnica para poder acariciar seus bicos,pena que de forma torturante não podia chupar e nem dar pequenas mordidinhas,coisa costumeira que fazia diariamente nela,passando lentamente suas mãos por todo teu corpo para ser ainda mais sensuais que eras naturalmente.
Assim que pousasse o desejo e o tesão,por debaixo do teu corpo para partes mais “gostosas”o fruto do pecado que deixa qualquer homem louco, esperaria incansavelmente a parte dela ir tirando sua roupa devagar de modo slowmotion de preferência é claro.
Pairando um tempo perguntou:
-Sério que você está se controlando tanto assim?
-Porque era pra gozar?Fingi-me de desentendido
-É claro,idiota.
-Sabe como é,tenho que aproveitar cada momento,e fazendo dessa maneira é impossível que um pouco de gozo possa me atrapalhar quanto a isso,minha diva, tenho que domar minha porra tu não achas?
-Sim,sim,você sabe como eu gosto né.
-Não,não, estamos namorando tem 1 ano e não sei de nada né?Safada.
-Então, acho que você não vai aguentar, hein,você não aguenta ver um cu e nem uma buceta .Falou Verônica,começando a rir escandalosamente.
-Ah é?Você duvida?
-Duvido sim.
-Se eu ganhar você fica sem transar comigo por 6 meses,caso você ganhe podemos transar quantas vezes quiser por dia.E ai topa?
-Topo sim.
A moça ardente que estavas naquele momento,colocou duas coisas que para ela foste primordial naquele instante:sua bebida favorita catuaba e seu querido vibrador.
Pensei comigo mesmo:
“Será que eu vou aguentar não gozar,puta que pariu porque que eu aceitei a fazer esse desafio?”
Após os dizeres,a moça partiu para ver se eu mesmo aguentaria,ou era apenas uma lorota de ser “o machão”,tirou logo tua calça,e por sacanagem como sempre,usava aquela calcinha que eu adorava, aquela branquinha com aquela forma das mais comuns sem precipitações,com aquele formato de sua bunda durinha e teu cuzinho arrebatador,no teu encaixe perfeito para um pau faminto,mas,mas.....SEGURAR TÁ FODA!
-E aí?Vai aguentar mesmo?
-Vou sim.
-Esfrega com frequência, assim até eu se eu fosse homem conseguiria,otário!

Aquilo era um pedaço de mal caminho,arredou tua calcinha,e mostrou teu cuzinho, e por segurança,enfiou seus 2 dedos deslumbrantes nele dando leves chupadinhas em sua boca quando retiravas do teu cu malicioso,era safada ao extremo,meu pau estava pulsando em excesso,mas falei consigo mesmo:
“Eu vou aguentar”
-E aí?Vai suportar a pressão?
-Claro que sim, doida.
A partir daquela ultima palavra proferida por mim, um excesso de loucura tendeste pro lado dela frenético, coisa talvez nunca ocorrido conosco nesses 1 ano de relação, passaste a massagear teu cu em forma rápida em formas circulares e alternando para exibir, ficando de quatro obviamente,suas chupadas estavam me atrapalhando infelizmente, e parecia que meu pau não ia aguentar, pois sentia ao mesmo tempo lhe metendo,fora que a sacana ia rebolando também,era um desafio e tanto para poder cumprir.
-Já volto!
-Ok.
Impossível era o sobrenome dela,complicando de tal forma,que fizeste derramar água no corpo que inutilmente meu pau começava a perder sua força,o gozo parecia estar dando oi para nós;teu cu molhadinho era passível de corrosão avassaladora de transa explosiva, que meu ego “respondia” como se dissesse:
“Vai lá mete gostoso”
-E aí ?To vendo que vai perder,eu sei que sou gostosa,pode falar né!
-Convencida,se teu cu e sua rebolada não fosse tão perfeita,acho que meu pau iria agradecer!
-Então você não me acha gostosa?
-Ô buceta!Aprende a interpretar,caralho!
-Ok então,quero ver você babar,seu filho da puta!
-Ok, to esperando sentado,igual meu pau.

Sua raiva começara a lhe deixar ainda mais gostosa,o problema que ela não conseguia ficar com esse transtorno,pois no fundo adorava esse tipo de “explicação explosiva” nossa;
Partindo com aquela calcinha molhadinha,novamente,arredaste ela,para que enfiasse “suas garras” em sua linda, grande e lisinha buceta,era adorável vê-la,o problema que era o wi-fi do meu pau,mas aquele desafio estava me matando literalmente.
-Posso pelo menos dar uma cheiradinha nela?
-Claro,venha.
Como louco, dei uma cheirada profunda, tinha um “ mel” misturado com um perfume das acácias,era insubstituível o desejo de não poder comer,mas, me segurava de todas as formas,desde então arredaste um pouco mais pra frente e deu em seguida 3 tapas leves na tcheca,aumentando ainda mais o “nível do rio” que estava para transtornar, sabia que estava no ponto que dificilmente aguentaria caso ela fizesse alguma coisa a mais provocante.
-Incrível tu,seu leite não saiu?
-Ainda não, isso é tudo psicológico. (Comecei a rir levemente, debochando da pergunta que fizestes)
-Quero ver se vai aguentar agora.
Verônica, pegou teu vibrador e sua catuaba pra dar uma pequena relaxada “tensa” em que ambos estavam, cada um com teu objetivo, a partir de um certo momento, tirou da tua tcheca e deu longas lambidas e...e.... e....
Gozei!
-Acho que alguém vai ter que cumprir a aposta haha!!!!!


Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.





Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


94996 - A Garota Mandona - Categoria: Heterosexual - Votos: 3
94997 - Lésbicas Quase Sem Querer - Categoria: Lésbicas - Votos: 2
95006 - Deixa Eu Te Chupar? - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 1
95017 - Bumbum Sedutor - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 1
95018 - Amor De Leite Condensado - Categoria: Heterosexual - Votos: 0
95035 - A Foda Particular No Acre - Categoria: Virgens - Votos: 1
95037 - Erotismo Virtual - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 0
95044 - Se Joga - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 0
95048 - A Mal Amada (Parte I) - Categoria: Heterosexual - Votos: 2
95052 - A Mal Amada (Parte II) - Categoria: Heterosexual - Votos: 2
95055 - Fome Por Sexo - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 2
95063 - A Mal Amada (Parte III) - Categoria: Heterosexual - Votos: 1
95076 - Transando Em Juiz Que" Dá" Fora - Categoria: Heterosexual - Votos: 0
95078 - A Mal Amada (Parte IV) - Categoria: Heterosexual - Votos: 0
95095 - A Mal Amada (Parte V) - Categoria: Heterosexual - Votos: 0
95098 - 50 Tons De Vingança - Categoria: Heterosexual - Votos: 0
95099 - Novinha Puta Da Vida 1/14 - Categoria: Heterosexual - Votos: 1
95103 - Novinha Puta da Vida 2/14 - Categoria: Heterosexual - Votos: 0
95120 - A Fogosa Que Não Parava De Gozar - Categoria: Heterosexual - Votos: 0
95129 - A Moça Do Bigode Feroz - Categoria: Heterosexual - Votos: 0
95135 - Novinha Puta da Vida 3/14 - Categoria: Heterosexual - Votos: 1
95140 - Garota CDF Safadinha Me Seduzindo - Categoria: Heterosexual - Votos: 0
95148 - A Amiga Da Minha Namorada É Mandona - Categoria: Traição/Corno - Votos: 0
95149 - Novinha Puta Da Vida 4/14 - Categoria: Heterosexual - Votos: 0
95171 - Fudendo Com A Colega de Trabalho - Categoria: Heterosexual - Votos: 2
95174 - Novinha Puta Da Vida 5/14 - Categoria: Heterosexual - Votos: 0
95215 - Tire Seu Sutiã,Gostosa! - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 1
95226 - Leão e Tigresa - Categoria: Heterosexual - Votos: 0
95227 - Corpos Irresistíveis - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 1
95230 - Rapidinha de Carnaval - Categoria: Heterosexual - Votos: 0
95238 - Em Uma Câmera Fotográfica Registramos Nosso Gozo - Categoria: Heterosexual - Votos: 2
95248 - A Farsante Que Se Deu De Boazinha - Categoria: Heterosexual - Votos: 0
95266 - A Sargentona - Categoria: Heterosexual - Votos: 0
95273 - Excita-me - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 0
95297 - Que Comece A Brincadeira (Apresentação) - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 0
95299 - Comi A Namorada Do Meu Melhor Amigo - Categoria: Heterosexual - Votos: 0
95312 - A Foda Que Eu Não Me Lembro - Categoria: Heterosexual - Votos: 0
95313 - Novinha Apaixonada Por Minha Piroca - Categoria: Heterosexual - Votos: 0
95322 - Algemas São Sempre Bem-Vindas - Categoria: Fantasias - Votos: 2
95327 - 8 Novinhas no Octógono 1/8 - Categoria: Heterosexual - Votos: 0
95341 - 8 Novinhas No Octógono 2/8 - Categoria: Heterosexual - Votos: 1
95348 - 8 Novinhas No Octógono 3/8 - Categoria: Heterosexual - Votos: 1
95363 - 8 Novinhas No Octógono 4/8 - Categoria: Heterosexual - Votos: 1
95375 - 8 Novinhas No Octógono 5/8 - Categoria: Fantasias - Votos: 0
95400 - A Gata Do Cu Apertadinho - Categoria: Heterosexual - Votos: 2
95412 - Calcinha Vermelha - Categoria: Heterosexual - Votos: 0
95442 - A Safada Gostosa Do Meu Bairro - Categoria: Heterosexual - Votos: 0
95468 - 8 Novinhas No Octógono 6/8 - Categoria: Heterosexual - Votos: 0
95471 - Aquela Que Lambe Tua Cabeça - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 0
95519 - Tão Broxante.... - Categoria: Heterosexual - Votos: 0
95572 - A mulher do 51 - Categoria: Heterosexual - Votos: 1
95638 - Em Nossas Fodas A Imaginação É Loucura - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 0
95887 - Boquete Com Gosto de Bolete - Categoria: Heterosexual - Votos: 1
95921 - Gozo Total - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 0
96073 - Rainhas Do Lesbianismo - Categoria: Lésbicas - Votos: 2
96182 - As 3 Novinhas - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 2
96222 - Traindo Com Seu Amigo - Categoria: Traição/Corno - Votos: 2
96244 - Você Lembra Daquela Vez? - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 0
96373 - Na Floresta - Categoria: Heterosexual - Votos: 0
96483 - Pra Te Enlouquecer - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 1
96541 - Embucetados - Categoria: Heterosexual - Votos: 1
96593 - Teus Seios Saltadores De Provas Olímpicas - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 1
96631 - Cadela No Cio - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 1
96633 - Te Comi Na Cozinha - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 1
96701 - Aventuras Em Alto Mar (Parte I) - Categoria: Heterosexual - Votos: 0
96744 - Deixa Eu Te Provar....Vai - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 1
97564 - Sonhos Eróticos - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 2
99407 - Degustar Cada Centímetro - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 1
101589 - Guia Do Sexo - Categoria: Poesias/Poemas - Votos: 0
107542 - Maranhense Arretada Parte I - Categoria: Heterosexual - Votos: 0

Ficha do conto

Foto Perfil nhocasoba
nhocasoba

Nome do conto:
Essas Mulheres Safadas....

Codigo do conto:
95217

Categoria:
Exibicionismo

Data da Publicação:
05/01/2017

Quant.de Votos:
1

Quant.de Fotos:
0


Online porn video at mobile phone


hentai anal mulher maravilha estrupada e violentada no fundo do onibusContos eroticos neta e avôcontos eroticos reais adoro rasga meu cuConto erotico de primaContos eroticos churrasco em casa pros amigosfoto de cusinhod virgensContos erticos picantes de gays com fotos ilustrativasquadrinhos eroticos aventura no aviaomarianaxvidioultimos contos sadoconto compartilhei minha esposaconto erotico de padrinhomeu vô tava bebado mais chupou minha bucetaConto ui ui mete ui ui filhotreinamento para puta contos eróticoconto erotico deflorando a menininhaporno gay com vendedor de porte e portacontos cd porno climaxContos gay pau pequenoConto de tia metedeirafoto de buceta pifado de tesaoxvidios chamei o pedreirocontos erotico dei pro meu sobrinho doente mentalpornor filha senta nu pau pai na mesa de jantarfiquei sozinha na casa do titio e provoquei ele sem calcinha porno    contos eroticos eu dexei meu marido come nissa filhaconto minha tia minha safadaconto. eroticopegando cunhadacontos eroticos minha bola de voleiuma vez sem camisinha aconteceu acidente contowww.sogro pauzodo comendo cu da noraconto viado pede e implorao cu da minha esposa e meu contocontos eroticosconto com foto de entregador de gas comndo um gorotoconto esposa enrabadacontos de submissao de cornos pormachosa primeira vez que ganhei uma siririca contoscontos emrabando a novinha no 0‹0nibuscontos eróticos minha enteada e uma putinha2017conto erotico morena maeouvi um barulho estranho de noite fui olhar era meus pais trasando video pornoPorno contos familhas incestuosas boquinas e maozinhas das suas meninas delicia dos paisconto erotico/ganhei uma chupeta da vizinha espanholacontos erotico ensinando o filhoc.erotico comido pelos camioneros gaycontos incesto meu filho machucadocontoporno enfiei bananacontos eroticos pai e filhinha dengosaprimeira vez contoseroticos gayrelatos eroticos paguei e comi o cuzinho da minha sobrinha bem novinhaanal comicscontos eroticos o amigo roludo do meu irmao soco com força a rola no.meu cuSercarlos01contodevaginacontos erotico esposa ezibecontoerotico pequena norando aluguelcirco+armageddon+pornoMulher pede pro marido do pinto pequeno trazer um negao bem pauzudo cheio de veias grossas pra matar seu tesãoanythingSexo com Beto Papakucasada urra com caminhoneiro dotado.Conto erotico/coroa caronistaconto comi a coroacontos camioneros fudeno.com.brcontos eroticos adoro leite delescontos eroticos gosadas no ginecologistacontos eroticos comendo deficiente mental gaycontos fiquei doida incesto filhoxvidio insesto brasileiro tie fudendo a sobrinha bem apertadinhaQuadrinho Engravidando mamãe porno Parte 2gordo camiomeiro paudurucontos papaku"A gatinha da estrada" contocontos eroticos gay meu pai de vinte e dois anos bebado comeu meu cu quando eu tinha oito anosassistir no pau enorme chupando o próprio pau sem muita cólica