Dois muleques estupraram minha esposa rabuda na construção


Click to Download this video!


Olá, me chamo Paulo e sou casado com uma bela mulher a quem vou chamar Rafa. Tenho 38 anos e minha esposa 29. Ela é Loira, branquinha mais com a pele bronzeada de sol, tem 1,68m de altura um verdadeiro mulherão tipo cavalona. Pernas grossas, seios fartos e uma bela bunda arrebitada.
Sou gerente de banco e minha esposa Educadora física, proprietária de uma academia o que a faz ter o corpo todo delineado. Temos uma vida financeira muito boa com apartamento próximo à praia e carros do ano.
Em 2014 decidimos comprar um terreno e construir uma casa com piscina e churrasqueira, no local que compramos o terreno ficava em uma área boa, mas que depois quando já estávamos construindo, os outros terrenos foram invadidos por pessoas de baixa renda, eu na esperança dos invasores saírem continuei a construção da minha casa e toda vez que ia dar uma olhada na construção os malandros ficavam me olhando passar com meu carrão.
Alguns rapazes chegaram a ir me procurar em busca de vaga de emprego de pedreiro e ajudante mais já tinha quatro pessoas trabalhando na obra e agradecia a todos, em um determinado final de semana alguns malandros roubaram material de construção como madeiras, tijolos e 10 sacos de cimento e uma geladeira novinha que tinha comprado para colocar água e alguns mantimentos para os pedreiros.
Com o roubo decidir contratar dois vigias para ficar se reversando e um determinado dia que passei com minha esposa no local ela vestia um vestido longo mais todo colado no corpo delineando suas curvas, realmente estava uma delicia.
Quando chegamos em casa ela me falou que o vigia, “um senhor negro de cara fechada”, tinha tomado gosto com ela a chamando de “Madame gostosa”, também me falou que ele só faltou passar a mão em seu traseiro. Fiquei muito brabo e no dia seguinte fui e despedir o safado que morava próximo da casa que eu construía. Quando cheguei na janela da sua casa vi a geladeira que tinham roubado e alguns sacos de cimento no chão, Fiquei ainda mais nervoso ao saber que contratei o próprio ladrão pra vigiar, fiquei puto.
Decidir que não iria lhe pagar o salario caso não devolvesse o roubo e de repente chega um muleque com uma tatuagem grande no braço e aparentemente drogado ou bêbado me ameaçando, era o filho de Seu Dico como era chamado o vigia. Com medo da reação do muleque decidir ir embora e esquecer o assunto, minha mulher chegou a sugerir a venda do terreno com a casa que já estava bem avançada, mas decidir continuar a construção.
No final de semana em um belo Domingo de sol minha esposa Rafa fez o convite para irmos a praia, ela que queria se bronzear e estava se achando muito branca sua marquinha já estava sumindo decidimos nos arrumar e ir, ela usou um biquíni fio dental laranja com a parte de cima verde e ficou uma delicia em seu Bundão, mais lindo ficou depois toda bronzeada com aquela marquinha de fio dental.
Passamos o dia no litoral e às 4 horas da tarde a convidei pra ir embora, queria passar no terreno e olhar os matérias já que ainda não tinha colocado ninguém no lugar de seu Dico e o outro só chegava às 19hs. Quando chegamos aparentemente tudo tranquilo deixei o carro fora para não desmanchar o serviço feito no sábado para reforçar o portão.
Rafa vestia apenas uma blusinha preta e uma bermudinha desfiada jeans amarela como na foto, super colada em seu Bundão que rachava suas nádegas, o short era engolido pela bundona ficando a coisa mais linda, um tesão de mulher. Estávamos no segundo andar quando me lembrei da carteira que tinha ficado dentro do carro com aproximadamente R$ 500 reais, Pedir que Rafa fosse pegar e fiquei contando as ferramentas.
Quando me espanto escuto vozes masculina se aproximando e subindo as escadas, quando levanto e vejo era seu Dico e seu filho que vinha puxando minha mulher pelos cabelos, o muleque dizia;
- Vamos vagabunda, cadê aquele corno do teu marido!
- Calma rapaz meu marido tá aqui em cima... Por favor, não faça nada com ele, ela disse.
Ela estava chorando muito enquanto o muleque subia atrás e Rafa na frente, quando chegou na parte de cima ele me olhou já com as mãos pra cima e quando chegou no ultimo degrau a jogou no chão e ela caiu de bruços com a bunda pra cima, do jeito que caiu ficou chorando pedindo até por favor pra deixar a gente em paz.
Quando ele veio pra cima de mim com uma faca me ajoelhei no chão e clamei pela vida, o muleque com forte cheiro de álcool e droga estava muito brabo e já chegou me dando um soco na cara que cair também no chão.
Seu Dico também parecia drogado mas pediu mais calma ao seu filho que disse;
- Calma porra nem uma Pai, vou é matar esse merda juntamente com essa vadia... e vamos logo sua Puta levanta dai sua cadela.
Ele novamente pegou minha mulher e a levantou pelos cabelos e disse;
- Olha só que vadia Pai! Como ela é gostosa... tem razão do senhor ter tomado gosto com essa PUTONA.
Seu Dico sorriu sinicamente e de imediato já meteu a mão no rabo dela apertando as nádegas e disse;
- A madame é muito gostosa mesmo! Com essa roupinha de PUTA ficou mais vadia ainda kkkk!
- Pai vamos comer essa putinha agora! Nunca peguei uma cavala tão gostosa, olha que bundão ela tem.
Pedir pelo amor de Deus pra não fazer nada com ela e dessa vez foi seu Dico que mandou eu ficar calado.
O muleque pegou uma corda que estava em cima de uma mesa velha de pau com varias ferramentas e me amarrou as mãos e os pés, tirou um saco do bolso com drogas e acendeu um cigarro de maconha e fumou com seu Dico.
- Vamos fumar um pouquinho e decidir o que fazer com vocês... Hoje não temos pressa DR.
Colocaram minha mulher sentada em uma cadeira velha e ainda obrigaram ela a fumar junto com eles, acho que chegaram a fumar uns três cigarros de maconha, o cheiro estava insuportável.
Eu estava amarrado no canto a aproximadamente 3 metros deles e observava tudo, depois de se drogar seu Dico pegou minha carteira, meu relógio os nossos celulares e encheu um saco de ferramentas, enquanto isso o muleque se aproveitava dando beijos demorados na minha esposa, ela se quer se negava e retribui creio que com medo do muleque que era muito violento. Quando seu Dico terminou falou pra o muleque;
- Vamos embora filho já peguei o que tinha que pegar!
- Pai só vou me embora quando fuder essa vadia do caralho, estou morto de tesão por ela.
Quando virou-se já vi que estava com o cassete duríssimo devia tá sem cuecas, Ele levantou Rafa e meteu a mão em seus seios, quando tirou o cassete pra fora o muleque era criado, era bem maio que o meu, era grosso e preto, sem duvida chegava aos 18 ou 19cm de pau, bem maior que os padrões Brasileiro. Quando mandou que ela chupar-se não deu chance já foi baixando sua cabeça de forma grosseira e disse;
- Vamos vadia chupa meu cassete.
Quando sua boca chegou próximo ao pau dele, ela virou o rosto e disse que estava nojento com cheiro forte e de imediato levou um tapão no rosto tão forte que caiu novamente no chão choramingando.
- Puta tu não tem escolha, chupa logo ou vai morrer.
Ele com fúria a puxou e de uma só vez enfiou sua vara até o final da garganta dela que engulhou e sem tempo de respirar parecia fuder sua boca empurrando sua cabeça para entrar o máximo que podia.
Não acreditei no que estava vendo minha mulher sendo torturada e eu sem poder fazer nada, seu Dico parecia muito bêbado e drogado e sentado só observava e incentivava o filho;
- Caramba filho, assim vai fazer a vadia vomitar!
- Ela agora tá chupando um pau de verdade pai, até que a vadia chupa bem.
Por ser muito grande o pau do muleque ele não conseguia meter tudo, mas como estava bem perto e via tudo faltava pouco pra ela conseguir engolir por inteiro, cheguei a sentir tesão em ver a sena já que só fazia com carinho e o muleque negro fazia com muita violência;
- Vai Putinha mostra pro corno do teu marido como chupa gostoso um pau de negro! Sei que as branquelas adoram um negão, não é verdade vadia?
Já chupando com mais vontade ela chegou a balançar cabeça em sinal de positivo e ele me olhou e disse;
- Tá vendo corno como tua mulher é uma PUTA kkkk agora vou meter nessa buceta gostosa.
O que me deixou triste e ao mesmo tempo com tesão vou ver que assim que o muleque falou em foder sua buceta, ela mesmo ficou de pé e começou a tirar seu short com um pouco de dificuldade por esta bem apertado e quando foi tirar o biquíni o ele falou;
- Calma aí putinha tá com pressa... Quero primeiro ver esse corpinho delicioso, vai desfila pra mim.
Ele ao falar virou ela de costa e deu um tapão em seu traseiro deixando a marca vermelha de sua mão, Rafa deu uma volta desfilando que mais parecia uma puta, só de fio dental ela mostrava desenvoltura e só parou quando o ele deu a ordem;
- Caralho que rabo é esse vem aqui vagabunda que vou ti fuder é agora.
Puxou ela pelos braços e colocou Rafa com as mãos na mesa velha deixando ela com o rabo arrebitado, deu mais dois tapas em sua bundona fazendo ela rebolar e puxou o biquíni pro lado passando a mão e enfiando logo dois dedos em sua buceta fazendo movimentos de entra e sai e disse;
- A vadia tá com a buceta encharcada, tá querendo rola.
Quando tirou os dois dedos totalmente encharcados veio na minha direção e passou na minha boca enfiando os dedos e fazendo eu sentir o gosto de seu liquido, ele falou;
- Chupa cornão, senti o gosto como a madame tá parecendo uma cadela no cio.
Querendo facilitar minha mulher quando ele voltou tinha tirado o biquíni e estava nuazinha com uma marquinha linda de fio dental debruçada na mesa. Creio que ela não fez uma boa coisa pós muito zangado ele chegou enfiando a mão tão forte em sua bunda que levou ela a dar um grito de dor, bem furioso puxou novamente ela pelos cabelos jogando no chão e mandou que chupasse ele novamente;
- Puta do caralho quem mandou tirar o biquíni, sua vaca! Tem que obedecer às ordens.
De uma só vez enfiou toda sua rola na garganta dela, chegando a sumir deixando de fora só as bolas, não aguentando ela começou a se debater enquanto ele segurava sua cabeça pra ela não escapar.
Ficando já sem ar Rafa deu uma golfada no pau dele deixando todo sujo, o muleque deu um bofetão nela e mandou deixar seu cassete limpinho o que foi de pronto atendido por ela. Não estava conhecendo minha mulher que se comportava como uma PUTA sedenta por pau, quando terminou de limpar ele a levou até onde estava sentado seu DICO, mandou que ela chupar-se o cassete dele enquanto se ajeitava por trás para meter;
- Puta que pariu a gostosa ainda é apertadinha... Vou socar fundo nessa cadela.
Quando enfiou Rafa deu um grito de dor;
- hahahaiiiiiiiii porra! Huhuiiiiiiii!
- Aguenta sua vaca do caralho.
A vara dele fazia ela delira e mostrando experiência ele socava fundo enquanto os gemidos dela eram abafados na tentativa de fazer o cassete de seu Dico subir, Talvez pelo álcool ou pela droga ele estava broxando, mesmo mole dava pra ver pra quem o muleque tinha puxado chegando quase a ser do tamanho do meu duro, que mede 14cm. Confesso que queria ver ele duro pra ver o tamanho que iria chegar. Rafa faminta por pau sugava e engolia ele todo parecia querer engolir até as bolas.
Minha mulher parecia gostar e sentindo prazer rebolava já sem se importar com minha presença, de tanto sugar seu Dico acabou ficando com o pau meio bambo. Vi minha mulher acelerar os movimentos no desejo de ver ele duro, ela mamava e olhava pra seu Dico que parecia não acreditar, de repente seu Dico começa a ficar agitado e fala;
- Continua vai cachorra... Vou encher a boca dessa Rapariga de esperma.
Não sei a quantidade de esperma que seu Dico gozou, mas sei que Rafa não estragou nada engolindo tudo, deixando o pau dele limpinho. Terminado o pau de seu Dico ficou mole novamente e o muleque levou novamente ela pra mesa, a colocou deitada na posição frango assado, chupou sua buceta pra em seguida meter sem piedade, ele fodia minha mulher que gemia alto enquanto me humilhava;
- Olha ai corno sua mulher feliz no pau do negão! Vou fuder essa PUTA até não querer mais.
Ele metia com violência e ela chegava a levantar a cabeça pra olhar o pau entrando e saindo de sua buceta até ele não aguentar e anunciar o gozo;
- Vou gozar nessa buceta sua vadia da porrrrrraaaaa.
O moleque gozou tudo dentro da buceta dela que não resistiu e também gozou junto. Tudo parecia terminado todos exaustos, já passava das 18hs quando o muleque acendeu outro cigarro de maconha e falou que tinha sido a melhor foda da vida dele. Enquanto fumava ele perguntou se eu tinha gostado do trato que tinha dado na minha esposa? e eu balancei a cabeça no sinal de positivo foi quando nervoso ele levantou e veio na minha direção e disse;
- Quero que fale seu corno fudido... Gostou de ver eu fudendo sua esposa PUTINHA?
- SIM... Adorei!!!
Ele sorriu e foi dar um beijo em minha mulher que retribuiu seu beijo, de repente ele recebeu uma ligação;
- Fala ai Neguinho! Tô aqui na casa do Barão, marido daquela mulher gostosa que te falei, Já fudi a CAVALONA de todo jeito, chega aí vem fuder ela também.
Não demorou 5 minutos alguém bate no portão e o muleque desse pra abrir, quando sobe é um outro rapaz com uma deficiência física na perna esquerda, estava muito sujo, falava meio enrolado parecia gago sem contar que era bastante feio e com dentes podres na boca.
Ele não tinha problemas nem um de sorrir e aparecer seus dentes nojentos, o outro muleque disse;
- Olha aqui Neguinho a mulher do corno! Veja a cavalona.
Ele pegou minha mulher pelos braços e disse;
- Olha aqui sua Puta... Meu primo nunca pegou uma mulher, quero que faça ele gozar ok!
O Neguinho sem muita experiência ficou sorrindo e sem saber muito que fazer, foi quando o muleque deu a ordem;
- Vai logo sua vaca chupa o cassete dele!
Ela chegou próximo se abaixou ficando de joelhos e abaixou aquele short sujo e passou a mão no cassete dele, limpou e abocanhou tirando novamente e cuspindo no chão em sinal que devia tá nojento e com sebo. Seu cassete devia medir uma faixa de 15cm bem parecido com o meu no tamanho, fiquei até um pouco constrangido em ver um muleque com um pênis maior que o meu e até um pouco mais grosso, além de está muito nojento sua higiene era zero, estava com um bom tempo sem cortar os cabelos do pênis, sei que Rafa tem nojo de pênis cabeludo e aquele pra ela seria uma tortura, tinha tanto cabelo que não conseguia ver seus ovos que estavam todos cobertos.
Minha mulher começou chupando bem lentamente e se via claramente que estava com nojo, engulhava e parecia querer vomitar, O muleque que fumava um cigarro de maconha chegou perto e passou a empurrar a cabeça de Rafa fazendo o movimento de entra e sai, o garoto que estava sendo chupado só ficava sorrindo, parecia não acreditar, de repente ele manda o Neguinho sentar se encima da mesa e manda ela chupar bem de frente pra mim;
- Quero que esse corno veja sua esposinha mamando gostoso.
Rafa me olhou e com a maior cara de safada pegou no cassete dele e mamou com mais desejo, por trás o outro muleque acariciava o bundão dela e dava tapas em suas nádegas, não tinha a visão direito, mas via que Rafa curtia, já chupava com maestria parecia não se importar com o pau cabelo do moleque ela mesmo passava a língua na cabeça do pau pra em seguida engolir por completo chegando sua boca até os cabelos, tirava respirava e engolia de novo ele não falava nada, era o tempo todo sorrindo. De repente o outro que já metia a cara no traseiro dela deu o ultimo tapão em seu traseiro e disse;
- Vem aqui Putinha chupa meu cassete que meu primo agora vai pela primeira vez sentir o gosto de uma buceta.
Pegou uns papelão que os pedreiros usavam pra descansar e botou no chão pra logo em seguida deitar e mandar ela chupar deixando ela com o rabão pra cima, Seu Dico sentado tentava de todas as formas levantar o cassete que não dava sinais de vida e deu a ordem para o deficiente;
- Aproveita e mete logo na buceta dessa rapariga.
Seu Dico se levantou e foi ajudar abrir as Nádegas dela pra facilitar a penetração do garoto deficiente que chegou por trás e em uma só estocada enfiou a jeba na buceta dela tirando um grito que ecoou pelo ambiente;
- (Rafa) AHAHAHAIIIIII POOOORRÁ CARALHO.
Seu Dico sorriu e deu um tapão na bunda da minha mulher que a essa altura estava parecendo um tomate de vermelha e disse;
- Aguenta rapariga de merda.
Gemendo muito ela era violentamente fudida na buceta e sem ter mais como desfaçar tive uma ereção ficando com o pau duríssimo, quando seu Dico olhou a situação sorriu e disse;
- KKKKK O CORNÃO TÁ GOSTANDO DE VER A MULHER DELE SENDO FUDIDA! OLHA COMO ELE TÁ COM O PAU DURO KKKK.
Todos sorriram com exceção de Rafa que estava com a boca cheia, de repente o muleque da as ordens para seu Dico soltar minhas mãos;
- Pai vai lá e solta à mão do cornão e deixa ele tocar uma punheta kkkkkk.
Seu Dico sorrindo vem até eu e desamarra as minhas mãos;
- TAÍ CORNO AGORA PODE TOCAR UMA PUNHETA KKKK.
Tentei ser forte mais quando vi minha mulher chegando ao orgasmo sendo fudida parecendo com um animal de forma violenta, perdi a vergonha e passei a tocar uma punheta com ela gemendo alto;
- (Rafa) Vai caralho mete que vou gozaaaaaar!
Como ela passou a rebolar freneticamente ao gozar o pau do Neguinho que comia sua buceta saiu e rapidamente ele colocou mais com pouca experiência ao invés de colocar novamente na buceta ele colocou na entrada do CÚZINHO daminha mulher que olhou pra trás com a maior cara de PUTA e disse;
- Vai comer meu CÚ SAFADO É?
Ela foi quem facilitou a entrada abrindo as nádegas e incentivando;
- Isso mete esse pau gostoso SAFADO! Come meu CÚZINHO VAI!!!
Acabei gozando de tanto tesão, de repente o vigia começa a bater no portão e chamar meu nome, todos ficaram assustados e acalmei dizendo que era o vigia que tinha chegado pra trabalhar, pedi o celular para poder ligar e despachar ele, falei que iria dormir hoje no local, o muleque filho de seu Dico disse;
- Bom trabalho Dr hoje vamos comer essa Puta até não aguentar mais... Meu Primo tá gostando de meter no Cú da vaca?
Ele somente sorria e metia com força e o muleque novamente disse;
- Mete fundo porra que ela gosta!
- (Seu Dico) kkkk parece que ele tá metendo nas éguas que ele come no sitio.
Sem dar uma palavra até então ele olha pra seu Dico sorrindo e diz;
- kkkk essa mulher do Dr é mais apertada kkkk.
Falou e continuou metendo até gozar dentro do CÚ de Rafa que passou a tocar em sua buceta talvez querendo gozar junto com ele, terminado o muleque puxou ela pra sentar em seu pau que mais parecia uma bengala de grande e ela como uma boa moça sentou na vara e começou a cavalgar de costa pra mim só então conseguir ver o estrago que o deficiente tinha feito no Cú dela, deixando arrebentado com um buraco que dava pra entrar um limão, ele arrebentou todas as pregas do CÚ.
A essa altura meu pau já estava duro novamente e eu voltei a bater uma punheta vendo o muleque metendo e beijando minha mulher, o Neguinho mesmo gozando seu pau continuo duro e seu Dico falou;
- Vai rapaz mete novamente no CÚ da rapariga!
Ele sorriu e o filho de seu Dico que comia a buceta deu uma parada enquanto ele foi e meteu fazendo nela uma dupla penetração, seu Dico vendo ela gemer alto foi e beijou a boca dela que retribuiu, depois eles trocaram de posição um passou a comer a buceta dela e o outro foi meter no CÚ até gozarem novamente.
Assim eles meteram nela até às 21hs quando decidiram ir embora e nos deixar livre, minha mulher estava exausta e quase não conseguia ficar de pé, saiu bastante esperma da sua vagina, eles arrebentaram tanto a buceta como o cú dela, Ela não quis se expor em hospitais e com sigilo fui na policia e prestei queixa do acontecido, só após 5 dias ela começou a fazer exames e descobrimos que pegou uma herpes, doença sexual mente transmissíveis e chegou a engravidar mas logo fizemos o aborto.
A policia recuperou os objetos roubados, prendeu o muleque filho de seu Dico, que passou só 8 meses preso, o outro foi solto porque tinha deficiência física e Esquizofrenia, e seu Dico foi preso mais logo solto porque não ouve estupro de sua parte e os muleques assumiram tudo. Vendi o apartamento e a casa e pedir transferência do serviço para outro município. FIM

Obs: Conto real com fotos reais abaixo

Foto 1 do Conto erotico: Dois muleques estupraram minha esposa rabuda na construção

Foto 2 do Conto erotico: Dois muleques estupraram minha esposa rabuda na construção

Foto 3 do Conto erotico: Dois muleques estupraram minha esposa rabuda na construção


Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Comentários


foto perfil usuario viajante44

viajante44 Comentou em 19/01/2018

História muito louca e com muitos riscos. O seu tesão deve ter sido grande mas, sua esposa correu riscos demais. A atitude de mudar foi correta.

foto perfil usuario ksadodf

ksadodf Comentou em 15/01/2018

Excelente conto! Parabéns pela esposa gostosa .

foto perfil usuario cristina23livre

cristina23livre Comentou em 14/01/2018

muito bom seus contos beijos

foto perfil usuario pierrythierry

pierrythierry Comentou em 09/01/2018

Essa mulher é top, assim fc difícil os estrupador resistir uma mulher dessa!!!

foto perfil usuario spctrum33

spctrum33 Comentou em 08/01/2018

Caracas .. boa pra caramba

foto perfil usuario baianosafado13

baianosafado13 Comentou em 17/05/2017

Cara que mulher gostosa do caralho é essa. Bati duas punhetas nesse conto. Imaginei comendo o cu e buceta dessa loirona

foto perfil usuario guto_poa_rs

guto_poa_rs Comentou em 17/05/2017

que maravilha de conto !! ou bater uma em homenagem a essa historia

foto perfil usuario carlosrs

carlosrs Comentou em 17/05/2017

Mórbido, mas gostei...

foto perfil usuario casadodaku

casadodaku Comentou em 16/05/2017

Nossaaa corno que delicia pena q VC não participou....fala ai já repetiram o sexo ha 3 ou 4 com sua mulher gozando?

foto perfil usuario anderson390

anderson390 Comentou em 16/05/2017

Adorei o conto e que esposa deliciosa que vc tem parabens

foto perfil usuario voyspmen

voyspmen Comentou em 16/05/2017

gostei do relato, muito bem escrito, parabéns, as passagens me deram tesão, sua esposa tem um corpão, lindo e gostosa, abraços

foto perfil usuario

Comentou em 16/05/2017

Que delicia de conto, parabéns você tem uma mulher muito gostosa, que delicia

foto perfil usuario walterquervoce

walterquervoce Comentou em 16/05/2017

mulher deliciosa. também quero

foto perfil usuario cadima1

cadima1 Comentou em 16/05/2017

Hummmmmm que conto excitante adorei e gozei lendo .

foto perfil usuario bisexbh

bisexbh Comentou em 15/05/2017

Delicia de mulher

foto perfil usuario cowboysob

cowboysob Comentou em 15/05/2017

Adorei o conto!!! Muito excitante

foto perfil usuario amante-df

amante-df Comentou em 15/05/2017

Adoraria meter gostoso na sua esposa gostosa. Parabéns pela esposa gostosa que vc tem. bjos nela todinha

foto perfil usuario fbp88

fbp88 Comentou em 15/05/2017

Está de parabéns... pelo conto e pela esposa!!!

foto perfil usuario fabiogomes

fabiogomes Comentou em 15/05/2017

nosa amigo sua esposa e muito bonita que bunda maravilhosa ela tem.podemos ser amigos




Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


111385 - Dei minha mulher de bandeja para um comedor pauzudo que ainda me humilhou - Categoria: Traição/Corno - Votos: 33

Ficha do conto

Foto Perfil paulorafa
paulorafa

Nome do conto:
Dois muleques estupraram minha esposa rabuda na construção

Codigo do conto:
100759

Categoria:
Grupal e Orgias

Data da Publicação:
15/05/2017

Quant.de Votos:
37

Quant.de Fotos:
3


Online porn video at mobile phone


hotwife significados das tatuagens eróticas no corpo femininoConto de incesto de pai filha e tioconto erótico minha cachorra mais molhada que minha namoradajapacdpassivoconto gay com entregador de pizza baianoContospornodezoofiliacontos erotico eu e minha filha fudida por um menino roludoPornor.galei.minha.conhadavideos d insestomais loucomoztravesticonto erticos quebrei a perna minha irma mim ajudou a tomar banhocontos eroticos d pai ou irmao vendo a filha ou a irmao transando com o namoradoconto erotico velho gato e ninfasedutoras e marrentas parte dozeconto erotico pai fudendo filha virgemcontos eroticos crentinhas virgemConto erotico de bucetinha apertadafilmes hentai porno onde mulher e disputadas em corridas de carrocontos erotico castiguei a buceta da vadiacontos eroticos objeto no cucontos de incestos e surubas esposa com minha cunhada e minha irma nudistaspornô pai e filho em quadrinhosconto comi a irma na viagemGoiânia conto entregador gayconto erotico vadia do ranchocontos eroticos gays,meu tio me fez mulhersinha gratisquadrinho erotico gay cuzinhohentai gravida de saposcontos-meu cuzinho todo pra vocêconto erotico velho gato e ninfavideos de porno caseiro itiada fudeno com padrastoContos eroticos anal de ipatinga mgcontos erótico de casais monogâmicosconto erótico fui chantageada e tive que dar e gosteiquadrinhos porno svconto erótico com pastorENCOXANDO A MÀE III - CONTOS EROTICOSmassagem erotica cunhada negra contoshq porno gaynovinha fudeu no reforço com vizinho - contosPorno incesto bisexual em família suruba orgia contosFudi meu tio no jardim contos eroticos de gayscontos fantasia de minha esposa cheirar calcinhacontos personal encoxando a cavala na academiadoce nanda contos eroticosinversao deposito de porra contos eroticoscontos com travesti e mulhercontos eroticos mae e filho Mozcontos enganei e xupei minha netinhacontos eroticos eu minha mulher e um travest roludohental chaves comendo cuzinho da chiquinhacontos erótico trans surpresanua da moz mostra buceta tirando espermahistoria dos k fizeram zoofila pela primeira vezputa e cornoquadrinho erotico entao negra e mulata dando o cuultimos contos sadosexo incesto com calcinha novinhascontos historiascontos eroticos domando a vagabundaultimos contos sadominha filha de seis anos ja tem a bucetona bem larga/contos eroticosconto erotico de incesto: sou cadelinha do meu filhocontos eróticos comi uma mulher com minha esposa olhando deliciaconto erotico sobrinho pirocudoEu e meu padrasto conto eroticoporno em quadrinhos com gostosasa netinh na horta da pro vovo pornommpintei a casa da minha cunhada com minha esposa cantos eroticoshq eroticoloucoscontos eroticos cunhadaconto erotico policialConto porno ai ui ui meteconto erotico gay fofinhoporno em quadrinhos comendo a cunhadahq pornô gay com o professor de violãoContos de marido pegando esposa trepando e fica com tesão com muita raivaquadrinho eroticos ilustradocontos do vaqueiro esposa e angelica safadaconto quadrinho engravidando a mamãconto erotico mãe rabudaMeu patrao dono da empresa que eu trabalho ele me convidou eu pra eu ir passear na sua lancha conto erotico